Meu primeiro selo

Meu primeiro selo
mimo do meu amigo Carlos

sexta-feira, 28 de fevereiro de 2014

Entre!

                                                                 Paulo Roberto gaefke

A porta da vida está aberta e convida,
pessoas com coragem para arriscar,
a rir, chorar, trabalhar, se esforçar, amar,
ser ouvido ou incompreendido,
receber atenção ou sofrer uma desilusão,
ser amado ou perder-se numa paixão,
a vida pede atenção...

A vida oferece muitas possibilidades,
até para quem já ñ acredita mais em nada,
sempre haverá algo novo sob o sol,
um fio de esperança que poderá te levar ao paraíso,
uma nova oportunidade de ser e crescer.

Só ñ vale ter medo de si mesmo,
só ñ vale não se conhecer, ñ se respeitar.
Tem que pegar todas as experiências,
boas e ruins, doces e amargas,
e colocar no grande caldeirão da alma,
para entender o que vale e o que ñ vale a pena.
Assim, você terá uma bússola precisa,
que vai indicar o seu Norte, a sua direção,
que ñ tem tempo nem idade,
rumo a realização dos seus sonhos,
rumo a felicidade.

Acredite na vida, acredite em você
Paulo Roberto gaefke
                                                      Saudades!

quarta-feira, 19 de fevereiro de 2014

Ramon Floyd- 3 Anos Sem Você

Esta foi a imagem que todos tiveram de você no dia 19 a 3 anos atrás.


Três longos anos( dia 19 de fevereiro o dia mais triste da minha vida) que estamos separados sinto que dói igualmente em nós essa separação que sabemos, um dia terá fim e terá um recomeço com o  nosso reencontro, que com certeza será   o  mais lindo  desse   nosso mundo terreno e espiritual.  Encontramo-nos em constante readaptação e por isso nesse momento peço a DEUS e aos amigos espirituais  benfeitores  que nos traga  a paz e que venha em nosso socorro para suportarmos a distancia e a ausência tão dolorida. Mas tenha certeza meu querido filho que em nenhum momento esqueço-me de ti esta presente em todos os meus dias você faz parte da minha vida e sinto que sempre se faz presente. O amor que sinto por ti é imenso e nem o tempo  consegue diminuir , muito pelo contrario cada dia que se passa esse amor toma uma proporção incalculável não tenho como dimensiona-lo .Te amo para sempre
Um beijo na alma... Um novo despertar um dia nos unira.


"Passam dias, passam anos
Mais  e mais eu vou te amando"
 

Muitas, muitas  saudades...
Marise a mãe mais orgulhosa de te ter como filho

segunda-feira, 10 de fevereiro de 2014

Desassossego

                                                    Jorge Humberto

Disseste-me, certo dia,
Ao cruzarmo-nos no caminho,
Que o meu caminho seria,
O ficar sempre sozinho.

Palavras sábias as tuas,
Embrulhadas em tristeza.
A minha vida são duas,
Das duas não guardo certeza.

E não é loucura, ou solidão,
Esta ânsia incerta e crua,
Que traz frio o meu coração,
Minha alma sempre nua,

Mas um conhecer-me tal,
Uma antecipação do que serei,
Que qualquer hora já é igual,
A todas as outras que não sei.

Jorge Humberto
                                                                       Saudades...