Meu primeiro selo

Meu primeiro selo
mimo do meu amigo Carlos

quarta-feira, 30 de abril de 2014

Marcas da Vida- Impressões


                    Não existe o esquecimento total: as pegadas impressas na alma são indestrutíveis.                                                                                                          (Thomas De Quincey)

Cuida da imagem que você anda deixando por onde passa. Que lembrança você anda gravando nas pessoas?
Você é o símbolo da alegria, da bondade, da esperança ou vive amargurada e passa para todo mundo a dor, a revolta, o desespero, a falta de esperanças?
Por onde você passa você fala de realizações, de boas energias, tem sempre uma boa notícia, uma palavra amiga, um gesto de esperança, ou leva contigo a reclamação, a a gonia, o gemido constante, os olhos sempre úmidos de lamentação?
Onde você chega as pessoas se aproximam para cumprimentar e querem te abraçar com festa ou se afastam com mil desculpas pela sua negatividade?
Se alguém te der um espelho agora, seu rosto vai mostrar a alegria de quem tem a certeza da vitória, ou a tristeza de quem se acostumou com a dor e a derrota?
Seu rosto é a expressão de quem espera alguém ou alguma coisa para ser feliz, ou de quem já vive feliz com o que tem?
Marca a tua caminhada pela Terra com marcas que nunca se apagam, escreve com o coração tudo o que fizer, assim, as dores serão passageiras rápidas na tua vida.
Carrega em você a semente da alegria e distribua para todos que se aproximarem de você, assim nunca te faltarão amigos dispostos a dividir o peso da sua jornada.
Conquiste amigos em todos os lugares por onde andar e conquistará um tesouro eterno, que nenhum ouro poderá pagar.
Que a sua marca de vida seja a alegria, assim, deixarás para sempre, uma lembrança suave de quem será amado para sempre.

Eu acredito em você!

Paulo Roberto Gaefke


                               Ramon você  deixou a sua marca .

sábado, 19 de abril de 2014

Quem Inventou A Partida

                                              Anna Peralva
   


Sabia a hora precisa

para o descanso,

o retorno para a cura

num espaço fértil e manso.

Ele em Toda Sua Sabedoria,

Contou horas e dias

que seriam  suficientes

onde toda a aprendizagem

fosse eficaz e nutriente,

para novos dias de paz.

Quem Inventou a partida

Sabia que haveria retorno,

pois numa só vida

a evolução não seria concebida,

também em Sua divina maestria

Dotou a essência de amor,

pois seria mais fácil a caminhada

mesmo que ela sangre em dor

é muito mais sensível, quem amou

e Seu Filho, também sangrou...

Quem Inventou a partida

Conhecia a alma da criatura,

pois  foi  Ele O Autor

da bela partitura...

Conhecia cada nota da melodia

e precisava de quando em vez,

dar um arranjo novo na harmonia.

Quem Inventou  a partida

Sabia o que Fazia,

e que entre idas e vindas,

nenhuma alma permaneceria vazia...

Anna Peralva
                                          Saudades!!!
                           
                                         3 anos e 2 meses

quinta-feira, 10 de abril de 2014

Não Deixe Para Manhã

 

                                                                 Silvana Mendes

Amanhã pode ser muito tarde.
Para você dizer que ama,
Para você dizer que perdoa,
Para você dizer que desculpa,
Para você dizer que quer tentar
de novo...

Amanhã pode ser muito tarde
Para você pedir perdão.
Para você dizer:
Desculpe-me...
O erro foi meu!...

O seu amor amanhã pode já
ser inútil.
O seu perdão, amanhã pode
já não ser preciso.
A sua volta, amanhã pode já
não ser esperada...

A sua carta, amanhã pode já
não ser lida.
O seu carinho, amanhã pode já
não ser mais necessário.
O seu abraço, amanhã pode já
não encontrar outros braços.
Porque amanhã pode ser
muito... muito tarde!
Silvana Mendes

                                                               Saudades Sempre...