Meu primeiro selo

Meu primeiro selo
mimo do meu amigo Carlos

quinta-feira, 30 de janeiro de 2014

Equilíbrio na Vida


Não diminua seu próprio valor, comparando-se com outras pessoas. 
Somos diferentes. Cada um de nós é um ser especial.
Não fixe seus objetivos com base no que os outros acham importante. 
Só você está em condições de escolher o que é melhor para você.
Dê valor e respeite as coisas mais queridas ao seu coração. 
Apegue-se a elas como a própria vida. Sem elas a vida carece de sentido.
Não deixe que a vida escorra entre os dedos por viver no passado ou no futuro. 
Se viver um dia de cada vez, viverá todos os dias de sua vida.
Não desista quando ainda não é capaz de um esforço a mais. 
Nada termina até o momento em que se deixa de tentar.
Não tema admitir que não é perfeito. Não tema enfrentar riscos. 
É correndo riscos que aprendemos a ser valentes.
Não exclua o amor de sua vida dizendo que não se pode encontrá-lo.
A melhor forma de manter o amor é dar-lhe asas.
Não corra tanto pela vida a ponto de esquecer onde esteve e para onde vai.
Não tenha medo de aprender. O conhecimento é leve. 
É um tesouro que se carrega facilmente.
Não use imprudentemente o tempo ou as palavras. 
Não se pode recuperar. 
A vida não é uma corrida, mas sim uma viagem que deve ser desfrutada a cada passo.
Lembre-se:
 “Ontem é história. Amanhã é mistério e hoje é uma dádiva. 
Por isso se chama presente”.
(Brian Dyson)
                                     Saudades!!!

domingo, 19 de janeiro de 2014

Não Sei Se A Vida É Curta Ou Longa



 
                                                       Cora Coralina

Não sei...se a vida é curta ou longa demais para nós,
Mas sei que nada do que vivemos tem sentido,
Se não tocamos o coração das pessoas.
Muitas vezes basta ser:
Colo que acolhe,
Braço que envolve,
Palavra que conforta.
Silêncio que respeita,Mensagens e poemas
Alegria que contagia,
Lágrimas que corre,
Olhar que acaricia,
Desejo que sacia,
Amor que promove,
E isso não é coisa de outro mundo,
é o que dá sentimento à vida.
É o que faz com que ela não seja nem curta,
nem longa demais, mas que seja intensa,
verdadeira, pura...Enquanto durar.
                        Cora Coralina

A distância é intrigante. Há quem fique distante ao nosso lado, e quem continue ao nosso lado mesmo distante. Te Amo Saudades...

 
2 anos e 11 meses  de pura saudade


sexta-feira, 17 de janeiro de 2014

Ramon Floyd- 23 Anos

Meu querido RAMON, hoje você completa 23 anos, tão longe e distante fisicamente  das pessoas que te amam,mas muito, muito perto de mim, você esta dentro do meu coração, esta nos meus pensamentos dia e noite, e nesta data que sempre representou uma das datas mais importante da minha vida receba o meu amor, o meu carinho e sinta novamente  o meu abraço apertado o meu beijo  demorada e ouça a minha voz  dizendo parabéns te amo incondicionalmente.
                                                  Muitas saudades
                                                       Mãe

"OBRIGADA MEU ANJO PELA AJUDA PRECIOSA"
                                   1 ANO

sexta-feira, 10 de janeiro de 2014

Ama-me Por Amor Sómente


                                                     Madre Teresa de Calcutá

Ama-me por amor somente.
Não digas: "Amo-a pelo seu olhar,
o seu sorriso, o modo de falar
honesto e brando. Amo-a porque se sente
minh'alma em comunhão constantemente
com a sua".

Porque pode mudar
isso tudo, em si mesmo, ao perpassar
do tempo, ou para ti unicamente.

Nem me ames pelo pranto que a bondade
de tuas mãos enxuga, pois se em mim
secar, por teu conforto, esta vontade
de chorar, teu amor pode ter fim!
Ama-me por amor do amor, e assim
me hás de querer por toda a eternidade.
                              Ramon te quero por toda eternidade!!!!!

quarta-feira, 1 de janeiro de 2014

O Silêncio Dos Lobos

  (( Aldo Novak ))

Pense em alguém que seja poderoso... Essa pessoa briga e grita como uma galinha, ou olha e silencia como um lobo? Lobos não gritam. Eles têm a aura de força e poder. Observam em silêncio. Somente os poderosos, sejam lobos, homens ou mulheres, respondem a um ataque verbal com o silêncio. Além disso, quem evita dizer tudo o que tem vontade, raramente se arrepende por magoar alguém com palavras ásperas e impensadas. Exatamente por isso, o primeiro e mais óbvio sinal de poder sobre si mesmo é o silêncio em momentos críticos. Se você está em silêncio, olhando para o problema, mostra que está pensando, sem tempo para debates fúteis. Se for uma discussão que já deixou o terreno da razão, quem silencia mostra que já venceu, mesmo quando o outro lado insiste em gritar a sua derrota. Olhe. Sorria. Silencie. Vá em frente. Lembre-se de que há momentos de falar e há momentos de silenciar. Escolha qual desses momentos é o correto, mesmo que tenha que se esforçar para isso. Por alguma razão, provavelmente cultural, somos treinados para a (falsa) idéia de que somos obrigados a responder a todas as perguntas e reagir a todos os ataques. Não é verdade! Você responde somente ao que quer responder e reage somente ao que quer reagir. Você nem mesmo é obrigado a atender seu telefone pessoal. Falar é uma escolha, não uma exigência, por mais que assim o pareça. Você pode escolher o silêncio. Além disso, você não terá que se arrepender por coisas ditas em momentos impensados, como defendeu Xenocrates, mais de trezentos anos antes de Cristo, ao afirmar: “Me arrependo de coisas que disse, mas jamais do meu silêncio". Responda com o silêncio, quando for necessário. Use sorrisos, não sorrisos sarcásticos, mas reais. Use o olhar, use um abraço ou use qualquer outra coisa para não responder em alguns momentos. Você verá que o silêncio pode ser a mais poderosa das respostas. E, no momento certo, a mais compreensiva e real delas.